Obama no papel de Jesus Cristo entre os negros americanos


Publicado em 12 de dezembro de 2012, no WorldNetDaily, por Jesse Lee Peterson
Tradução: blog esquerdopatia

O presidente Barack Obama é o homem mais polêmico de todos os tempos a ocupar a Casa Branca. No entanto, 95 por cento dos negros americanos o adoram como se ele fosse o Messias. Por quê?

O ator e comediante Jamie Foxx recentemente subiu no palco do evento chamado Soul Train Awards e disse à platéia: “Graças a Deus e ao nosso Senhor e Salvador, Barack Obama!” Foxx convidou o público a se levantar e bater palmas para Obama. Seus comentários ultrajantes foram transmitidos na televisão nacional, sem que nenhum líder negro renomado repudiasse a atitude de Foxx.

A capacidade de Barack Obama para seduzir as pessoas é bem conhecida. Ele pode por seus maiores críticos em uma sala e convertê-los em defensores de suas qualidades. Ele é um mentiroso carismático e patológico. Em 2012, Obama foi capaz de reunir os jovens negros, inflar a seus egos e convencê-los de que eles eram mais sábios do que a geração mais velha e mais espertos que os velhos conservadores brancos de “olhos azuis”.

A jornada dos negros americanos da escravidão para a liberdade é bem documentada. No entanto, apesar de sua emancipação pelo presidente Lincoln mais de um século antes, os negros dos estados americanos do sul ainda estavam sujeitos à discriminação. Durante esta época surgiu o Dr. Martin Luther King Jr., um líder onde os negros americanos tinham colocado todas as suas esperanças. O assassinato subseqüente de Martin Luther King foi traumático para os americanos, particularmente para os negros americanos.

Após o assassinato de King, os negros estavam em uma terra espiritual de ninguém – e ficaram vagando, esperando por outro salvador nos últimos 50 anos. Eles se voltaram para o governo procurando assistência e a receberam na forma de bolsas e programas governamentais. O papel dos pais nas famílias negras foi substituído pelo dinheiro governamental, pois os homens negros fizeram muitos filhos e começaram a abandonar suas famílias. (1)

Neste vácuo sem uma real liderança, eles seguiram vários autoproclamados líderes negros como Jesse Jackson, Al Sharpton, Louis Farrakhan e Black Caucus, mas todos falharam no papel de lideranças. Atualmente a maioria dos negros acha que Obama é seu salvador que irá dar-lhes empregos, moradia e “distribuir a riqueza” – e é por isso que dão glória ao seu “senhor e salvador.”

A maioria dos líderes e religiosos negros secretamente concorda com Jamie Foxx e é por isso que não houve protestos partindo destas pessoas. Não importa que Obama representa tudo o que é ateu e socialista, ou seja: o aborto sem restrições, luta de classes, anistia para imigrantes ilegais, legalização do casamento homossexual, sucateamento das forças armadas e ausência de apoio a Israel.

Um exemplo de negros sendo dependentes de líderes e personalidades é o conto trágico de Jim Jones e seus seguidores. Jones era o líder carismático do culto conhecido pelo suicídio em massa de 1978, que matou 914 de seus seguidores (incluindo mais de 200 crianças). E a maioria dos seguidores de Jones eram cristãos negros! Os negros foram atraídos por Jones por causa de seu estilo de pregação carismática e filosofia socialista. Ele convenceu seus seguidores que ele estava criando um paraíso na Terra, onde pessoas de todas as raças conviveriam pacificamente e teriam suas necessidades atendidas. O mundo descobriu, embora tarde demais, que ele era doido!

Nos últimos 22 anos, o problema com os negros americanos não é o racismo branco -, mas sim a falta de caráter moral! Até 50 anos atrás a maioria dos americanos negros era moral. Eles tinham fé em Deus e tratavam as as pessoas como eles gostariam de ser tratados. Eles acreditavam na promessa americana de que se você trabalhou duro e conduziu sua vida de forma correta, tudo daria certo.

Hoje, em flagrante contraste, a maioria dos negros está à procura de Barack Obama e do governo federal para cuidar deles. Antes do movimento dos Direitos Civis, ninguém – nem mesmo o presidente – poderia ter vindo assumindo o papel de “senhor e salvador” da comunidade negra.
Recentemente, em um programa de rádio, um ouvinte negro admitiu que os negros acreditam que Obama é “Deus”. Em entrevista à professora Barbara Thompson, da Universidade da Florida A&M e autora de “O Evangelho Segundo o Apóstolo Barack: em busca de uma união política perfeita como o paraíso aqui na terra. “Quando eu questionei sobre seu cristianismo ela ficou irritada e ríspida. Segundo a professor, o “Apóstolo Barack” foi re-eleito para ajudar a classe média e os pobres na Terra!

Como consequência de não haver um líder espiritual reconhecido pela comunidade negra, ela está sujeita a mentiras e falsos salvadores. Os negros estão à procura de um messias se esqueceram de que Cristo já veio e traçou um caminho para que eles sejam livres. Agora que Obama já foi reeleito, talvez seja o momento perfeito para reestabelecer a clareza moral e de reconstruir as famílias e os homens para que se aproximem de Deus.

(1) Nota do Editor: Nos Estados Unidos, o governo dá assistência em dinheiro para mães solteiras, fato que acabou incentivando as mulheres a trocar o marido pelo governo provedor, fazendo surgir uma geração de filhos criados por apenas por mulheres, destruindo a família tradicional e gerando uma série de problemas sociais, tais como o aumento da criminalidade, baixo desempenho escolar, propensão à violência, inversão de valores, carências afetivas e sofrimento. Além disso, a  política feminista assumida pelo governo Obama, fez com que a renda dos homens americanos caísse em torno de 8%, ao mesmo tempo que a renda das mulheres subiu 8%. (*)

(*)Fonte: http://ultimosegundo.ig.com.br/mundo/nyt/numero-de-maes-solteiras-com-menos-de-30-anos-aumenta-nos-eua/n1597651647194.html

Anúncios

Sobre Esquerdopatia

Minha missão é abrir os olhos para o mal que vem tomando os corações e mentes do mundo, uma psicopatia grave chamada esquerda, socialismo, comunismo ou coletivismo e seus companheiros de viagem, quais sejam: feminismo, islamismo, gayzismo, globalismo, paganismo, ateísmo. Muitas mentes e almas já estão perdidas, tamanha a lavagem cerebral a que foram submetidas, e não vêem o mal, mesmo que este lhes estapeie a cara. Porém, algumas ainda tem salvação. Nestas que pretendo concentrar meus esforços. So help me God.
Esse post foi publicado em Catolicismo, Esquerda, Estados Unidos e marcado , , , , , , . Guardar link permanente.

2 respostas para Obama no papel de Jesus Cristo entre os negros americanos

  1. Caramba! Que louco tudo isso. Será que as pessoas perderam a direção, a noção e o senso?! Esta mentalidade que se espalha não apenas nos EUA, mas, também, na Venezuela, Colômbia e Brasil (e outros lugares ainda), só pode ser explicada por II Tess 2. É terrível!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s