Não foi dessa vez… MP diz que Gurgel ainda não definiu investigação sobre Lula


Fonte: Revista Veja

Matéria do jornal O Estado de S. Paulo afirmava que procurador-geral da República havia decidido enviar depoimento de Marcos Valério com acusações ao ex-presidente para apuração na primeira instância.

O Ministério Público Federal (MPF) divulgou nota oficial na manhã desta quarta-feira afirmando que o procurador-geral da República, Roberto Gurgel, “ainda não iniciou a análise do depoimento de Marcos Valério”, no qual o empresário acusa o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva de usar dinheiro do mensalão para pagar despesas pessoais. Segundo a nota, Gurgel aguarda o desfecho do julgamento do mensalão para avaliar o conteúdo das declarações, dadas por Valério em setembro do ano passado, ainda com a ação penal em curso no Supremo Tribunal Federal.

“A Secretaria de Comunicação do Ministério Público Federal informa que o procurador-geral da República, Roberto Gurgel, ainda não iniciou a análise do depoimento de Marcos Valério, pois aguardava o término do julgamento da ação penal 470 (mensalão). Esclarece ainda que somente após a análise poderá informar o que será feito com o material. Portanto, não há qualquer decisão em relação a uma possível investigação do caso”, diz a nota.

Reportagem publicada pelo jornal O Estado de S. Paulo nesta quarta-feira afirma que o MPF havia decidido investigar Lula com base na denúncia feita pelo operador do mensalão. Segundo o texto, Gurgel iria remeter o caso à primeira instância, já que Lula não tem mais foro privilegiado após ter deixado a Presidência. A denúncia poderia ser apurada, de acordo com o jornal, pelo Ministério Público Federal em São Paulo, em Brasília ou em Minas Gerais. O início da investigação dependeria, porém, da avaliação do procurador que ficasse responsável pela análise do depoimento de Valério.

Em dezembro, os partidos da oposição PPS, PSDB e DEM encaminharam uma representação à procuradoria pedindo a apuração do envolvimento de Lula no mensalão. No documento, os partidos lembravam que VEJA já havia revelado que Valério guardava segredos e que, na tentativa de obter um acordo de delação premiada, prometeu detalhar a participação do ex-presidente no esquema. Petistas envolvidos no esquema sempre preservaram o nome de Lula desde que o escândalo do mensalão foi descoberto, em 2005.

Além das despesas de Lula que teriam sido pagas com dinheiro do esquema de compra de votos de parlamentares do Congresso entre 2003 e 2005, Valério também acusa o ex-presidente de dar “ok” para os empréstimos com os bancos BMG e Rural que viriam a irrigar mensalão. Na ocasião, Lula, que estava em viagem ao exterior, disse que as acusações de Valério eram “mentiras”. Sobra a possível investigação noticiada pelo Estado de S. Paulo, o ex-presidente não se pronunciou.

Segundo Valério, o dinheiro usado para pagar despesas de Lula era depositado na conta de uma empresa de Freud Godoy, na época assessor do ex-presidente.

Conforme revelou reportagem de VEJA, Valério procurou espontaneamente a PGR dizendo ter mais informações sobre o caso assim que foi condenado pelo STF. O empresário disse querer proteção e tentar uma delação premiada – instrumento jurídico que permite a redução da pena de um acusado quando ele concorda em dar mais informações sobre os crimes nos quais está envolvido.

Anúncios

Sobre Esquerdopatia

Minha missão é abrir os olhos para o mal que vem tomando os corações e mentes do mundo, uma psicopatia grave chamada esquerda, socialismo, comunismo ou coletivismo e seus companheiros de viagem, quais sejam: feminismo, islamismo, gayzismo, globalismo, paganismo, ateísmo. Muitas mentes e almas já estão perdidas, tamanha a lavagem cerebral a que foram submetidas, e não vêem o mal, mesmo que este lhes estapeie a cara. Porém, algumas ainda tem salvação. Nestas que pretendo concentrar meus esforços. So help me God.
Esse post foi publicado em Esquerda, Esquerdopatas Famosos, PT - Partido dos Traballhadores e marcado , , , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para Não foi dessa vez… MP diz que Gurgel ainda não definiu investigação sobre Lula

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s